A+ / A-

Maior peça de filigrana do mundo "estreia-se" na BTL

13 mar, 2019 - 07:30 • ​​Marília Freitas​

Tem 1,20 metros de altura e 12,6 mil metros de fio. A peça é o destaque do stand do Turismo do Porto e Norte de Portugal na Bolsa de Turismo de Lisboa.
A+ / A-

É a maior e mais pesada peça de filigrana do mundo. Tem 1,20 metros de altura, 13 quilogramas de prata, 12,6 mil metros de fio filigrana e será o grande destaque do espaço do Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP) na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), que arranca esta quarta-feira. É o resultado de um projeto inédito partilhado por 12 artesãos de Gondomar.

"A filigrana, com toda a força e projeção que está a ter, acho que faz todo o sentido tentarmos também, neste nosso stand, dar mais um contributo para essa produção", diz Luís Pedro Martins, presidente da Entidade Regional do Turismo do Porto e Norte de Portugal, à Renascença.

Este ano, o stand do Turismo do Porto e Norte será o maior da feira, com cerca de 1.260 metros quadrados - mais 200 do que em 2018 - e 30 expositores.

"Queremos promover a nossa região como um destino turístico de excelência. Vamos tentar que em cada um dos vários espaços do stand, o público tenha oportunidade de ver aquilo que temos para oferecer, que é muito e em diversas áreas", explica Luís Pedro Martins.

Durante os cinco dias de feira, estão preparadas mais de 600 atividades, sessões de divulgação e ações de promoção do destino. "Em termos de gastronomia, há um número considerável de showcookings demonstrativos daquilo que melhor há na gastronomia desta região", acrescenta ainda o presidente do TPNP.

A Bolsa de Turismo de Lisboa é promovida pela Fundação AIP e assume-se como o maior evento do Turismo em Portugal, funcionando como montra da atividade turística nacional e dos principais destinos mundiais.

Na edição de 2018 passaram pela BTL mais de 77 mil visitantes e mais de 39 mil profissionais tiveram oportunidade de estabelecer novos negócios e parcerias. A Bolsa de Turismo de Lisboa 2019 realiza-se de 13 a 17 de março, na FIL, em Lisboa.

No espaço da FIL, o pavilhão um abre com Lisboa, o destino nacional convidado na edição de 2019, e conta com as restantes regiões de Portugal (Alentejo, Algarve, Norte, Centro, Açores e Madeira).

Já a entrada do pavilhão dois está reservada para o Seixal, o município convidado deste ano, o qual tem procurado desenvolver a vertente turística, promovendo a baía integrada no estuário do Tejo e a extensa frente ribeirinha.

No pavilhão três vai estar localizada a BTL LAB, que representa a inovação no turismo e dá a conhecer 40 startups.

Por fim, no pavilhão quatro encontram-se as agências de viagens e destinos internacionais, destacando-se algumas novidades como Goa - que este ano vem diretamente (a Índia já costumava estar presente) ou as Seychelles, por exemplo. Macau é o destino internacional convidado.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.