A+ / A-

​Dia dos Pastorinhos passa a feriado em Juranda, terra do menino curado por sua intercessão

18 fev, 2019 - 15:28 • Ana Lisboa

Esta é a primeira decisão do género e vai ter efeitos imediatos já no próximo dia 20 de Fevereiro. Lucas ficou em coma depois de uma queda de mais de seis metros.
A+ / A-

A Festa Litúrgica dos Santos Pastorinhos será comemorada pela primeira vez em Juranda, município da diocese de Campo Mourão, no estado brasileiro do Paraná, anuncia o Santuário de Fátima.

Por isso, foi declarado feriado para o dia 20 de Fevereiro pela Prefeitura brasileira de Juranda. Esta é a terra natal da “criança milagre” que permitiu a canonização de Francisco e Jacinta Marto, declarados Santos a 13 de Maio de 2017, em Fátima, por ocasião da visita do Papa Francisco.

A decisão de instituir o Dia dos Pastorinhos como feriado municipal religioso “foi aprovada pela Câmara Municipal e promulgada pela Prefeita Municipal de Juranda, Leila Amadei, no dia 11 de Fevereiro”, refere uma nota do Santuário. A data fica, assim,” incluída no calendário de eventos e datas comemorativas do Município de Juranda”.

Trata-se da “primeira decisão do género tomada por uma instituição pública de natureza civil”.

Recorde-se, que Juranda é a cidade onde nasceu e reside Lucas, a criança de seis anos que ficou em coma depois de uma queda de uma altura aproximada de 6,5 metros.

A criança estava em casa dos avós, a brincar com a irmã, quando caiu por acidente de uma janela, sofrendo um grave traumatismo crânio-encefálico, com perda de massa encefálica. Lucas ficou em coma, foi operado e, segundo os médicos, caso sobrevivesse, viveria em estado vegetativo ou, na melhor das hipóteses, com graves deficiências cognitivas.

Três dias após a queda, a criança recebeu alta, não sendo constatado qualquer dano neurológico ou cognitivo.

A 2 de fevereiro de 2007, uma equipa médica consultada pelo Vaticano deu parecer positivo unânime sobre o caso, como "cura inexplicável do ponto de vista científico".

No momento do acidente, o pai da criança invocou Nossa Senhora de Fátima e os dois pequenos beatos. Também os familiares e uma comunidade de religiosas de clausura rezaram com insistência, pedindo a intercessão dos Pastorinhos de Fátima.


guialiga19_20_banner
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.