A+ / A-

Joana Vasconcelos dá coração gigante em azulejo a Paris

14 fev, 2019 - 06:49 • Redação com Lusa

O coração, que se acende consoante os batimentos cardíacos e tem movimento rotativo, é composto por 3.800 azulejos pintados à mão.
A+ / A-

"Coração de Paris", da artista portuguesa Joana Vasconcelos, junto à estação de metro Porte de Clignancourt, é inaugurado esta quinta-feira. A obra serve de mote à cidade de Paris para celebrar o amor neste Dia dos Namorados.

O prolongamento do metro de superfície T3 levou a cidade a pensar novos espaços artísticos públicos, e o pedido deste coração surgiu de várias organizações de moradores deste bairro no Norte da capital francesa.

À artista portuguesa Joana Vasconcelos, que nasceu em Paris em 1971, foi pedido "um símbolo universal para um bairro do Mundo", como se pode ler no comunicado de imprensa da Câmara Municipal da capital francesa.

O coração, que se acende consoante os batimentos cardíacos e tem movimento rotativo, é composto por 3.800 azulejos pintados à mão no atelier da artista portuguesa.

Aquando da visita de Joana Vasconcelos a Paris, no mês de janeiro, a artista disse à agência Lusa que foi exatamente em Clignancourt, onde os seus pais viviam na altura do seu nascimento, que o seu coração "começou a bater".

"A minha relação com Paris é bastante íntima, pessoal e, ao mesmo tempo, profissional. Eu nasci aqui há 47 anos e estou a colocar aqui o Coração de Paris, na Porta de Clignancourt, onde eu nasci e onde o meu coração começou a bater", disse a artista portuguesa.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.