A+ / A-

Ajuda humanitária norte-americana é “cancerígena”, alega "vice" de Maduro

13 fev, 2019 - 23:34

Delcy Rodríguez fala mesmo em “armas biológicas” para contaminar a população venezuelana.
A+ / A-

A ajuda humanitária norte-americana é “cancerígena” e está “contaminada” com armas biológicas, afirma a vice-presidente da Venezuela, Delcy Rodríguez.

Num discurso transmitido pela televisão estatal, a “número dois” de Nicolás Maduro tentou explicar a razão de o regime não deixar entre os mantimentos no país.

“Essa ajuda humanitária vem contaminada e envenenada, é cancerígena, assim mostraram vários estudos científicos”, declarou Delcy Rodríguez.

Sem nunca apresentar qualquer prova para sustentar as suas acusações, a vice-presidente fala mesmo em “armas biológicas” para contaminar a população venezuelana.

“Assim como introduziram armas para os ‘contras’ da Nicarágua na suposta ajuda humanitária, pretende fazer o mesmo com armas biológicas que constitui esta comida envenenada e contaminada”, afirmou Delcy Rodríguez.

A ajuda humanitária está em camiões na Colômbia e aguarda autorização para entrar na Venezuela.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.