A+ / A-

Salvio promete lutar até ao fim porque o Benfica "nunca vai estar morto"

11 fev, 2019 - 20:03 • Redação

O extremo argentino assume que o 10-0 ao Nacional "foi inesquecível". A goleada permitiu ao Benfica cortar a distância para o líder do campeonato, o FC Porto, para apenas um ponto.
A+ / A-

Salvio garante que o Benfica "nunca vai estar morto" e vai lutar até ao fim pela conquista do campeonato. Com os 10-0 ao Nacional, de domingo, os encarnados colocaram-se a um ponto do líder, o FC Porto.

O Benfica chegou a estar a sete pontos do FC Porto, mas agora está apenas a um. Em conferência de imprensa de apresentação de uma marca de comandos da consola, esta segunda-feira, Salvio garantiu que "a equipa sempre acreditou quando muitas pessoas não acreditavam" que era possível recuperar e, possivelmente, ser campeão.

"Agora estamos a um ponto e vamos lutar até final. Como falámos desde o início de época, o Benfica nunca vai estar morto, vamos dar luta até o último jogo da época", declarou o extremo argentino, de 28 anos.

Salvio salientou que o Benfica "está obrigado a ganhar cada jogo e a lutar por cada título". Ainda assim, mostrou-se muito feliz com a vitória frente ao Nacional, com 10 golos marcados, apesar de não ter jogado:

"Foi incrível, um dia inesquecível, que acho que todos os benfiquistas vão recordar esse grande jogo para sempre. Temos sempre muitos respeito pelos adversários, mas ontem foi um grandíssimo dia."

A saída de Rui Vitória do comando técnico do Benfica e consequente promoção de Bruno Lage da equipa B à principal foi o "clique" para os encarnados começarem a jogar bem e a recuperar terreno aos rivais.

Salvio admitiu que "sempre que há uma mudança de treinador, há mudanças" nos próprios jogadores e na equipa, e que o Benfica "está melhor" agora do que antes. "Estamos a um ponto e temos de seguir a lutar. Sabemos que é importante olhar para o jogo seguinte e não mais acima e continuar a trabalhar da mesma forma", frisou.


guialiga19_20_banner
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.