A+ / A-
Liga dos Campeões

Treinador da Roma desvaloriza ausências no FC Porto

11 fev, 2019 - 14:03 • Redação

Eusebio Di Francesco acredita que Otávio e Tiquinho Soares têm qualidade para substituir Jesús Corona, castigado, e Moussa Marega, lesionado.
A+ / A-

Eusebio Di Francesco, treinador da Roma, desvalorizou o impacto das ausências de Marega, lesionado, e Jesús Corona, castigado, na equipa do FC Porto. Em conferência de imprensa de antevisão da primeira mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, o técnico italiano acredita que o plantel portista tem alternativas de qualidade no plantel:

"Penso que têm ótimas opções. Otávio e Tiquinho Soares podem entrar na equipa. Têm características diferentes, sobretudo os avançados, mas são, igualmente, jogadores de grande qualidade. Penso que o Porto, mais do que um conjunto de individualidade, é uma equipa. Uma equipa compacta, forte, dura, que sabe o que pretende. Isto significa que, do ponto de vista coletivo, têm um excelente comportamento".

Di Francesco recorda que o FC Porto é "uma das equipas da Champions que mais duelos defensivos venceu" e, por isso, espera um "jogo muito desgastante". Ainda assim, o técnico da Roma não vai abdicar da identidade da equipa e aponta para uma vitória sem golos sofridos:

"Será determinante manter a nossa baliza inviolada, especialmente neste jogo, mas isto não significa que temos de abdicar da nossa identidade. Temos é de defender melhor como equipa, especialmente de jogadores capazes de sair com grande velocidade e com experiência a este nível. Até porque a Roma nunca conseguiu vencer o FC Porto".

Elogios para Conceição

O treinador da Roma deixou ainda elogios à liderança de Sérgio Conceição no FC Porto, um treinador que "mudou a identidade" da equipa portista: "O Sérgio Conceição está a fazer um grande trabalho e também esteve muito bem no Nantes. Está a fazer um percurso ascendente e deu uma nova identidade à equipa. Fez uma mudança profunda no caráter da equipa. Era uma equipa com jogadores mais criativos, que procuravam um jogo de qualidade. Agora é uma equipa mais objetiva em todas as dimensões".

Di Francesco confirmou ainda o boletim clínico da Roma para o jogo frente aos dragões: o defesa central Kostas Manolas está recuperado e poderá ser opção, o guarda-redes Robin Olsen está em dúvida, Patrick Schick, Perrotti, Juan Jesús e Cengiz Under estão de fora.

A Roma recebe o FC Porto, na partida a contar para a primeira mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões, esta terça-feira, às 20h00, no Estádio Olímpico de Roma, jogo com relato na Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.