A+ / A-

​Carne de vacas doentes da Polónia chegou a Portugal, mas foi detetada e destruída

31 jan, 2019 - 12:18 • Manuela Pires , Cristina Nascimento com agências

Autoridades portugueses identificaram um lote de 99 quilos que foi destruído antes de entrar no circuito comercial.

A+ / A-

Portugal foi um dos 10 países que recebeu carne de vacas doentes abatidas na Polónia. A informação é avançada pela agência Reuters que cita as autoridades veterinárias polacas. Em comunicado enviado à Renascença, a Direção Geral de Alimentação e Veterinária esclarece que, após emitido o alerta, "as autoridades nacionais desencadearam de imediato todas as diligências, tendo apreendido a totalidade do lote de carne (99 Kg), que foi encaminhado para destruição".

Em conferência de imprensa, Pawel Niemczuk, responsável máximo da veterinária polaca, diz que 2.700 quilos de carne de vacas doentes foi exportada para um conjunto de 10 países: Roménia, Suécia, Hungria, Estónia, Finlândia, França, Espanha, Lituânia, Portugal e Eslováquia.

O caso veio a público no sábado, quando um canal de televisão revelou imagens captadas com câmara oculta que mostram animais doentes a serem abatidos, num matadouro situado na região de Mazóvia, a pouco mais de cem quilómetros de Varsóvia.

Nas imagens veem-se vacas que mal conseguiam manter-se de pé e que os trabalhadores, ao preparar a carne para vender, retiravam feridas, tumores e outros sinais de que a carne estava imprópria para consumo.

A Polónia é um dos principais produtores de carne da União Europeia. Produz cerca de 560 mil toneladas de carne bovina por ano e vende 85% para o exterior.

[notícia atualizada às 12h48]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.