A+ / A-

Tio e sobrinho desaparecidos na ilha do Faial foram encontrados e "estão bem"

06 jan, 2019 - 09:31 • Redação

Os dois homens estavam desaparecidos depois de terem saído de casa para a apanha da erva patinha.
A+ / A-
As imagens do resgate dois dois homens desaparecidos na ilha do Faial
As imagens do resgate dois dois homens desaparecidos na ilha do Faial

Os dois homens que tinham desaparecido junto à costa Este da ilha do Faial, nos Açores, depois de terem saído de casa, para a apanha da erva patinha, foram encontrados na manhã deste domingo e, segundo as autoridades, "estão bem".

A informação foi avançada à Renascença pelo capitão do porto da Horta, Rafael Silva.

As operações de resgate já foram concluídas e os dois homens já foram transportados para receberem assistência médica.

“As buscas estão concluídas, a operação foi um sucesso. As pessoas foram localizadas e foram resgatadas com recurso à aeronave da Força Aérea Portuguesa. Foram conduzidas para o aeroporto onde já se encontram ambulâncias também à espera para serem conduzidos ao hospital para serem observados", disse capitão do porto da Horta, em declarações à Renascença.

De acordo com a mesma fonte, e depois de uma primeira análise, os dois homens "encontram-se bem de saúde". "Naturalmente estão com algum frio, por causa de terem passado a noite ao relento, mas de resto não apresentam sinais que sejam de preocupação imediata", fez saber o capitão do porto da Horta.

Tio e sobrinho, com 34 e 18 anos de idade, tinham-se deslocado de manhã para a orla costeira da freguesia da Ribeirinha, para a apanha da erva (uma espécie de alga utilizada na alimentação). Ao final da tarde, os familiares alertaram as autoridades, dando conta do seu desaparecimento.

As autoridades realizaram buscas na zona da boca da ribeira, em direção a sul, por terra e por mar ainda durante a tarde de sábado, mas as condições de visibilidade, vento e estado do mar, não ajudaram as operações.

[Notícia atualizada às 10h23, com as declarações do capitão do porto da Horta, Rafael Silva]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.