A+ / A-

Ada Hegerberg vence a primeira Bola de Ouro feminina da história

03 dez, 2018 - 20:23

Avançada norueguesa do Lyon apontou 15 golos na caminhada até à conquista da Liga dos Campeões.
A+ / A-

A Bola de Ouro feminina foi atribuída à avançada norueguesa Ada Hegerberg, do Lyon.

Hegerberg tinha ficado em segundo lugar no prémio "The Best" da FIFA, atrás de Marta, mas acabou por vencer esta primeira edição da Bola de Ouro feminina, atribuída pela "France Football".

Ao serviço do Lyon, Ada Hegerberg, de 23 anos, venceu a Liga dos Campeões, e apontou 15 golos na competição.

A norueguesa venceu as outras 14 nomeadas: Megan Rapinoe (EUA), Lindsey Horan (EUA), Christine Sinclair (Canadá), Marta (Brasil), Saki Kumagai (Japão), Samantha Kerr (Austrália), Lucy Bronze (Inglaterra), Fran Kirby (Inglaterra), Pernille Harder (Dinamarca), Lieke Martens (Holanda), Dzsenifer Marozsán (Alemanha), Wendie Renard (França), Amel Majri (França) e Amandine Henry (França).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.