A+ / A-

Luz e gás em Portugal no "top 10" dos mais caros da Europa

27 nov, 2018 - 11:04

Preço médio da electricidade surge em sexto lugar. Gás é o quarto mais caro da União Europeia.
A+ / A-

Portugal é um dos países da Europa com a eletricidade e o gás mais caros, de acordo com dados do Eurostat, o gabinete de estatística da União Europeia (UE).

No preço da luz, Portugal é sexto nos dados do primeiro semestre. O país com custo mais elevado de eletricidade é a Dinamarca e com o mais barato é a Bulgária.

Já no gás, Portugal é o quarto da tabela de preços. O país com gás mais acessível é a Roménia, enquanto o mais caro é a Suécia.

Ainda assim, no segundo semestre de 2018, Portugal desceu algumas posições face a 2017, devido à inclusão de mais países na lista, explica o Eurostat.

De acordo com o gabinete de estatística da UE, os consumidores portugueses continuam a pagar mais pelos carga de impostos do que por aquilo que de facto consomem. O preço da eletricidade por kilowatt-hora em Portugal fixou-se em 22,46 cêntimos no segundo semestre deste ano, ligeiramente acima da média da Zona Euro, que é de 21,87 cêntimos.

O preço médio do gás na UE por 100 kWh é de seis euros, sendo que 27% desse valor vai para impostos.

Os impostos e as taxas representam mais de um terço (37%) das faturas de eletricidade cobradas a cada família na União Europeia na primeira metade de 2018. No que toca às contas do gás, correspondem a 27% do custo global.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • VICTOR MARQUES
    28 nov, 2018 Matosinhos 10:50
    Ora! Também temos de ser "bons" nalguma coisa!!!...
  • Ora bem!
    27 nov, 2018 13:35
    Aqui na Renascença é como aquela: paga um e leva dois. Ou seja faço dois comentário e só aparece um. Cada vez mais gosto de comentar nesta renascença. Cada vez mais vejo o respeito que esta renascença tem por quem comenta,
  • xxi
    27 nov, 2018 12:54
    Onde estão os comentadores que vêm para aqui como cães raivosos quando se trata de trabalhadores da função pública?