A+ / A-
Seleção Nacional

Sub-21. Rui Jorge tem a receita contra o relaxamento

20 nov, 2018 - 09:59

Portugal joga o apuramento para o Europeu na segunda mão do "play off", frente à Polónia, em casa. O 1-0 fora foi positivo, mas o selecionador alerta que o trabalho ainda não está feito.
A+ / A-

O selecionador nacional de sub-21, Rui Jorge, avisa que qualquer facilidade dada à Polónia pode condenar Portugal, no jogo da segunda mão, esta terça-feira, do "play off" de acesso ao Europeu 2019.

Rui Jorge lembrou que, apesar do 1-0 da primeira mão, "um bom resultado com uma boa exibição", Portugal ainda não está apurado. Do outro lado, estará uma seleção polaca que, caso a equipa lusa não se mostre à mesma altura do primeiro jogo, "pode criar problemas".

"O valor da Polónia não se alterou em função do último resultado. Conseguimos que ficassem a zero no último jogo. Estatisticamente, será difícil manter esse zero. Vamos tentar fazê-lo mas a eficácia é um dos pontos fortes da Polónia", alertou o selecionador de sub-21, em declarações reproduzidas pelo site da Federação.

Rui Jorge sublinhou que, se Portugal estiver "preocupado com os favoritismos", poderá descurar "outras coisas que são mais importantes".

"Qualquer perda de bola numa zona crítica do terreno, qualquer desposicionamento coletivo anormal ou grande pode levar esta equipa da Polónia a ser extremamente perigosa, portanto não devemos cometer erros. E não precisam de ser erros muito graves", assinalou Rui Jorge, que espera ter "um excelente ambiente" em Chaves.

O Portugal-Polónia está marcado para as 17h00, no Estádio Municipal Eng.º Manuel Branco Teixeira, em Chaves, e terá acompanhamento, ao minuto, em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.