A+ / A-

Rui Jorge: "É excelente vencer fora e não termos sofrido golos"

16 nov, 2018 - 21:14

Seleção portuguesa venceu por 1-0, no terreno da Polónia, na primeira mão do "play-off" de acesso ao Europeu de sub-21.
A+ / A-

Rui Jorge, selecionador sub-21 nacional, mostrou-se muito satisfeito por ter conquistado a vitória na Polónia, no jogo da primeira mão do "play-off" de acesso ao Europeu de sub-21, e principalmente por não ter sofrido qualquer golo.

Em declarações reproduzidas pela Federação Portuguesa de Futebol, o técnico enalteceu a exibição dos jogadores, que conquistaram um resultado importante no objetivo de marcar presença na fase final da prova, que decorre em 2019:

"É excelente vencer fora e não termos sofrido golos. Estamos satisfeitos com o resultado que obtivemos. Acho que fomos seguros e, em muitos momentos, revelámos a consistência que nos tem faltado no passado", começou por dizer.

Rui Jorge diz que a Polónia jogou da forma que esperava, mas admitiu que a seleção das quinas deve de "transpirar" para segurar a vitória sem golos sofridos: "Foi um jogo dentro daquilo que perspetivámos, com exceção de alguns momentos da segunda parte, onde a Polónia foi um pouco mais pressionante".

"Poderíamos ter aproveitado uma ou outra situação de contra-ataque. Tivemos de sofrer um pouco para sair daqui com a vantagem", explicou.

Sobre a segunda mão, disputada na terça-feira em Chaves, Rui Jorge diz que a seleção polaca não deve mudar o estilo de jogo "Com esta sensação de falso domínio que temos, eles rapidamente podem marcar em contra-ataque. Quando se comete um erro a Polónia costuma penalizar as equipas. A forma e a ideia de jogo está lá. Poderão correr mais riscos, mas não é fácil alterar completamente. Se assim for, temos de estar preparados".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.