A+ / A-

Tiago Fernandes. “Ainda não tenho definida a minha situação"

10 nov, 2018 - 16:20

Técnico garante que “não há desculpas, vou pôr o 11 mais forte” contra o D. Chaves.
A+ / A-

O treinador interino do Sporting diz que não tem ainda o seu futuro definido no clube.

“Ainda não tenho definida a minha situação, mas estou sempre grato ao Sporting por me reconhecer como treinador e pelas oportunidades que me têm sido dadas neste clube. Tenho crescido como treinador e como homem”, disse Tiago Fernandes.

Em conferência de imprensa de antevisão da partida contra o D. Chaves, o técnico dos leões acrescentou que “as pessoas que trabalham comigo, sabem que sou solidário com todos. Não só com os que chegam, mas também com os que cá estão há muitos anos, quer sejam empregados da limpeza ou diretores”.

“Estou empenhado em fazer deste clube mais forte e estamos a trabalhar em prol de um Sporting cada vez melhor”, acrescentou.

Tiago Fernandes considera que “a equipa mais preparada, mais coesa e que quer vencer é o Sporting”.

“Estou feliz por aquilo que fizemos nos Açores e em Londres e independentemente do resultado de amanhã tenho a certeza que vou estar satisfeito com os meus jogadores, que vão dar tudo dentro do campo”.

Sobre a partida com o Chaves, Tiago Fernandes acrescenta que “não há desculpas, vou pôr o 11 mais forte, tive dificuldade em escolher os 18 para convocar porque o grupo está a trabalhar de forma fantástica”.

Tiago Fernandes fará amanhã o último jogo como treinador interino do Sporting. A partir de segunda-feira o comando técnico é assumido por Marcel Keiser.

Lista de 21 convocados:

Guarda-redes: Renan, Salin e Viviano;

Defesas: Bruno Gaspar, Coates, Mathieu, André Pinto e Lumor;

Médios: Gudelj, Petrovic, Misic, Miguel Luís, Bruno Fernandes e Acuña;

Avançados: Nani, Diaby, Carlos Mané, Jovane, Montero, Castaignos e Dost.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Manuel
    11 nov, 2018 Moura 13:01
    Pode vir a ser um bom treinador mas falta-lhe humildade, infelizmente não herdou essa qualidade do pai.