A+ / A-

Web Summit. Incidente obrigou centenas de participantes a esperar à chuva

08 nov, 2018 - 13:31

Porta da FIL ficou danificada com o vento e algumas pessoas perderam conferências que queriam ver por não conseguirem entrar. A situação já foi normalizada.
A+ / A-

Um incidente obrigou esta quinta-feira centenas de participantes a esperar mais de meia hora à chuva para entrar na entrada principal da cimeira de tecnologia Web Summit.

O mau tempo provocou a queda de uma estrutura, sem provocar feridos, tendo-se ouvido estrondos no recinto. A situação já foi normalizada.

Os participantes estiveram, durante este tempo, retidos numa fila em frente ao centro comercial Vasco da Gama, aguardando que entrassem, o que só aconteceu ao meio-dia, depois de vários minutos de espera.

Segundo contou um agente da PSP no local à agência Lusa, "ouviu-se um estrondo" na zona, provocado pelo vento. Organização, funcionários e voluntários confirmaram que o mau tempo, especialmente o vento, provocou restrições na entrada da Feira Internacional de Lisboa (FIL), onde ocorreu o sucedido.

A organização informou mais tarde que "a entrada principal foi fechada para evitar eventuais danos estruturais" devido à ocorrência de "ventos" fortes.

Depois desta espera, foi improvisada uma porta de entrada, com um cordão de várias dezenas de polícias que efetuaram uma revista (sem as máquinas de raio X) rápida, na parte lateral do pavilhão 2 por volta das 12h00. A partir desse momento as entradas foram rápidas e as muitas centenas de participantes na cimeira entraram em poucos minutos.

À agência Lusa, algumas pessoas comentaram que perderam algumas conferências que queriam ver.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.