A+ / A-

Empresa desiste de pedido de insolvência da SAD do Sporting

07 nov, 2018 - 14:28

A empresa requerente, Camacho e Nunes, ter desistido do processo, segundo a Lusa. Empresa requeria dívida superior a 500 mil euros
A+ / A-

Um pedido de declaração de insolvência da SAD do Sporting ficou sem efeito após a empresa requerente, Camacho e Nunes, ter desistido do processo, segundo revelou fonte dos leões à Lusa.

A empresa desistiu do pedido e considerou-se quitada da quantia peticionada. Já a SAD do Sporting desistiu do pedido de litigância de má fé e responsabilidade civil por pedido infundado. Desta forma, a alegada insolvência da sociedade anónima dos leões não chegou a ser apreciada.

Caso que remonta a março, quando a Camacho e Nunes, empresa de recuperação de crédito, alegou que existia uma dívida superior a 500 mil euros, relativa a um processo que se arrastava desde 2012, altura da presidência de Godinho Lopes. O Sporting contestou a dívida.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.