A+ / A-
Web Summit

​FIL expande-se para a praça Sony. Pavilhões crescem por dentro até dois pisos

06 nov, 2018 - 19:48 • José Pedro Frazão

Os pavilhões podem ser também reformulados e reformatados em dois pisos, admitiu esta terça-feira o primeiro-ministro, numa entrevista à Renascença concedida à margem da Web Summit.
A+ / A-
António Costa. "Este espaço já é pequeno para a Web Summit"
António Costa. "Este espaço já é pequeno para a Web Summit"

É a consequência direta do acordo para manter a Web Summit por mais dez anos em Lisboa. Ao que a Renascença apurou, a expansão da Feira Internacional de Lisboa (FIL) prevê a duplicação da área expositiva para 90 mil metros quadrados até 2021.

Este alargamento inclui o aproveitamento dos espaços ao ar livre entre pavilhões, projetados desde a Expo98, e o alargamento ao espaço físico da antiga Praça Sony, actualmente desocupado, no Parque das Nações.

Os pavilhões podem ser também reformulados e reformatados em dois pisos, admitiu esta terça-feira o primeiro-ministro, numa entrevista à Renascença concedida à margem da Web Summit.

"Os pavilhões vão passar a ter dois pisos, de forma a poderem ter maior capacidade expositiva, não apenas para a Web Summit, mas para outros eventos, e continuar a crescer na atração para Lisboa de eventos com esta dimensão e com o impacto que têm na economia nacional. Os projetos que a Câmara tem vão aproveitar muito dos vazios existentes e do pé direito que já existe. O estudo que a Câmara fez resolveu esses problemas e encontrou uma boa solução que nos permite ter aqui a Web Summit. Este espaço já é pequeno para a Web Summit e, como vão ser mais dez anos a crescer, precisamos de ter mais espaço", afirmou o primeiro-ministro que foi autarca na capital e ministro com a tutela da Expo98 no Governo de António Guterres.

Fonte autárquica em Lisboa envolvida nas negociações ainda não confirma este cenário, que ainda "carece de estudo técnico".

O plano tem como meta a duplicação da área expositiva dos atuais 40 mil para 90 mil metros quadrados até 2021.

O alargamento aos terrenos da antiga praça Sony - local de concertos emblemáticos da Expo98 - começará já na Web Summit de 2019, com recurso a estruturas provisórias. Os terrenos são propriedade da Associação Parque Junqueira, que detém a FIL, onde a Câmara de Lisboa tem uma posição minoritária de 25% face a 75% detidos pela Fundação AIP.

O alargamento da FIL é uma das componentes do acordo para a manutenção da Wb Summit em Portugal, considerada "decisiva" para a organização liderada por Paddy Cosgrave.

[notícia corrigida - duplicação da área expositiva até 2021 e não 2019]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.