A+ / A-
Sporting

Peseiro: "Queremos ficar em primeiro do grupo"

24 out, 2018 - 18:40

O treinador do Sporting quer jogar "olhos nos olhos" com o Arsenal, pela vitória em Alvalade e pelo primeiro lugar do grupo da Liga Europa.
A+ / A-

José Peseiro quer ver o Sporting jogar melhor que o Arsenal e vencer, para conquistar o primeiro lugar do grupo D da Liga Europa e carimbar a passagem aos oitavos-de-final.

"São equipas de Champions que estão na Liga Europa. Dois clubes históricos, com dimensão internacional. Sabemos o poder do Arsenal, mas queremos vencer porque é um passo importante na passagem à fase de eliminatória e porque queremos ficar em primeiro do grupo", sublinhou o técnico leonino, esta quarta-feira, em conferência de imprensa de antevisão da partida.

Peseiro referiu que os leões terão de ser "compactos, coesos e empenhados", capazes de "enfrentar o Arsenal olhos nos olhos".

No fundo, terão fazer uma boa exibição. O registo do Arsenal, de dez vitórias consecutivas em todas as competições, "torna tudo mais difícil, mas não tira convicção". O Sporting também tem números importantes: "Temos 11 jogos, oito vitórias, duas derrotas e um empate. Se calhar, em quantidade de jogos, as outras equipas não têm muito melhor. Queremos vencer o Arsenal, temos de jogar melhor e sabemos que é esse o caminho. Temos convicção de que vamos fazer melhor as coisas".

Mathieu está pronto para jogo, apesar de não ter treinado muito tempo. Já Bas Dost treinou pela primeira vez, no entanto, não está convocado. "Está há dois meses parados, treinou pela primeira vez com a equipa depois da lesão, que é importante para a equipa. Não vamos apressar as coisas", justificou Peseiro.

Sporting e Arsenal disputam o primeiro lugar do grupo na quinta-feira, a partir das 17h55, em Alvalade. Relato na Renascença e acompanhamento, ao minuto, em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.