A+ / A-

Pinto da Costa: "Futebol português está refém de procedimentos irregulares"

11 out, 2018 - 19:08

O presidente do FC Porto realça importância do campeonato da última época, em que "ficou claro" que as competições se decidem "mais em alguns gabinetes do que no terreno de jogo".
A+ / A-

Pinto da Costa acredita que o futebol português está dominado por "procedimentos irregulares e antidesportivos". Opinião sustentada pelo presidente do FC Porto, em mensagem enviada aos acionistas da SAD.

"A conquista do campeonato revestiu-se ainda de maior importância porque a época 2017/18 foi aquela em que ficou evidente que o futebol português está refém de um sem número de procedimentos irregulares e antidesportivos. Como sempre foi minha convicção, o nosso plantel é constituído por jogadores de grande qualidade e se nas épocas imediatamente anteriores isso não ficou claro foi porque as competições decidiam-se mais em alguns gabinetes do que no terreno de jogo", escreveu o líder portista, na "Mensagem do Presidente".

Pinto da Costa assinala que "o trabalho e a dedicação" tornaram possível o "resgate do título nacional", contra o valor dos adversários "e contra outras forças pouco recomendáveis mas inegavelmente poderosas".

"A carreira da equipa na Liga dos Campeões e nas outras provas nacionais, perdidas apenas nos desempates por penáltis, atesta o desempenho muito positivo da nossa equipa profissional, que continua a ser a única com verdadeira dimensão internacional no futebol português.Para a nova temporada, que já está em curso, pretendemos repetir a receita, sendo a conquista da Supertaça um excelente pronúncio para mais um ano de muito trabalho e dedicação", conclui.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Juíz Vermelho
    12 out, 2018 Catedral da Luz 10:13
    Um campeonato ganho graças ao EstorilGate, Mala do Marítimo, "ofertas" do GR e defesas do Boavista, invasões de recintos de árbitros, guerrilha na CS de divulgações de e-mails roubados e ainda por cima truncados e modificados para apontarem numa direção que nada tinha a ver com o contexto ... a lista é interminável. Vem agora o Lobo, com pele de cordeiro, apelar à calma e falar em processos ilegais... logo ele! Pudera: está a ver que não tem equipa para o bi e que agora que os bloggers vao ser identificados, para salvarem a pele vão abrir o livro e ou muito me engano ou haverá grandes nomes do fêquêpê e não só, metidos no embrulho. E desta vez não haverá juízes tripeiros a arquivarem o caso por "erros técnicos"
  • Anonimos
    12 out, 2018 Porto 00:25
    Esse senhor devia estar calado, pois esquece que também como outros dirigentes também faz manobras ilegais