A+ / A-

Bolsas europeias com os valores mais baixos em 20 meses

11 out, 2018 - 11:16

Lisboa não foge à regra. A bolsa abriu com o PSI 20 a perder 3%.
A+ / A-

As bolsas asiáticas e europeias abriram com os valores mais baixos em vários meses esta quinta-feira. Na Ásia, a bolsa caiu para mínimo de oito meses e na Europa as bolsas registaram valores que não se viam há 20 meses.

Lisboa segue a tendência mundial, com o PSI 20 a perder 3% no início do dia em relação a quarta-feira.

A quebra nas bolsas é uma reação ao forte declínio na bolsa de Nova Iorque, que sofreu com uma derrocada no setor tecnológico em contexto de forte subida das taxas de juro.

Hong Kong, Xangai e Tóquio, as referências do mercado asiático, abriram com quebras entre os 3% e os 5%, uma aparente reação ao que aconteceu na bolsa americana.

Segundo a agência Reuters, a repentina venda de ações que provocou a quebra fez perder centenas de milhares de milhões de riqueza mundial. A abertura das bolsas no vermelho coincide, segundo a mesma agência, com o facto de a presidente do Fundo Monetário Internacional, Christine Lagarde, ter dito que as avaliações do mercado da bolsa estavam "extremamente elevadas".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.