A+ / A-
Seleção A

Polacos acham que Portugal "joga melhor" sem Ronaldo

11 out, 2018 - 12:45 • João Fonseca

Nuno Malheiro vive em Katowice e estará no estádio para apoiar Portugal. Adeptos polacos gostavam de ver o craque português, mas olham para o conjunto de Fernando Santos como uma equipa mais forte sem CR7.
A+ / A-

Os polacos queriam ver Cristiano Ronaldo, ao vivo, mas sem a presença do capitão da seleção portuguesa consideram que o conjunto de Fernando Santos é "mais equipa" e um "adversário mais perigoso".

Nuno Malheiro é um jogador português que vive em Katovice e representa o Sosnowiec, clube dos arredores da cidade onde habita, e onde esta noite se jogará o desafio com a Polónia.

Em declarações a Bola Branca, o defesa luso assegura que estará no estádio Slaski, com bilhetes oferecidos pelo "amigo Bruma" e espera no final confraternizar com antigos colegas nas seleções jovens e adversários nos clubes, como João Cancelo, Bernardo Silva e outros.

Do ponto de vista desportivo, Nuno Malheiro alerta a equipa das quinas que terá pela frente um adversário "forte" com um treinador que "aposta nos jovens", mas que continua a ter como principal estrela "ao nível de Ronaldo" para os polacos, Lewandowski.

"Sabem que Ronaldo faz a diferença, mas sem Ronaldo, Portugal tem mais futebol, porque não se foca num só jogador", acrescenta.

Na cidade sente-se os adeptos "ansiosos", e todos esperam "um jogo fantástico", num encontro que já não tem muitos bilhetes disponíveis e os que há, "não são fáceis de encontrar".

O embate vai fazer-se num "dos melhores estádios, se não o melhor da Polónia, com excelentes condições" e atualmente exclusivamente utilizado pela seleção polaca.

Nuno Malheiro está há 2 anos no leste europeu e confessa sentir-se confortável e num clube onde as suas qualidades são apreciadas.

"As pessoas gostam de me ver jogar e tenho tido um bom apoio. Nunca se sabe o dia de amanhã, temos que acreditar", afirma o jogador esperançado em regressar mais tarde a Portugal para dar continuidade à sua carreira.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.