A+ / A-
Benfica

Luís Filipe Vieira. "Limpemos o futebol da lama, difamação e descrédito"

28 set, 2018 - 22:48

Discurso do presidente dos encarnados na assembleia-geral de sócios, que decorreu esta noite no Pavilhão da Luz.
A+ / A-

Luís Filipe Vieira considera que o futebol português necessita claramente de viver "o tempo da justiça", apelando que se limpe o desporto-rei nacional da "lama, difamação e descrédito".

Foi no discurso de abertura da assembleia-geral de sócios da noite desta sexta-feira, que visa sobretudo a aprovação do relatório e contas relativo à temporada 2017/18, que o presidente do Benfica voltou a sublinhar o ataque que sustenta estar a ser feito ao emblema da Luz, do ponto de vista judicial.

"Hoje sabemos quem esteve por trás do roubo da nossa correspondência privada e quem a andou a exibir. E, continuando a confiar na justiça, queremos acreditar que toda a tramoia, montada por aquela aliança, será posta a nu e os seus responsáveis, atuais ou passados, devidamente punidos. Este é o tempo da Justiça. Não apenas para o Benfica, mas para todos. E quem tiver de cair, que caia", começou por dizer, no Pavilhão da Luz, seguindo em frente de forma determinada na sua argumentação.

"Limpemos o futebol daquilo que ele não precisa: Lama, difamação e descrédito. Limpemos o futebol de mais campanhas negras como única forma de esconder descalabros financeiros e desportivos. Limpemos o futebol das velhas práticas de ameaças e pressões sobre tudo e todos, para condicionar quem está dentro do campo", salientou, focando-se naquilo que, para si, é "o essencial".

"O projeto desportivo, o projeto financeiro e o reforço do património do clube. Libertamo-nos, eu e toda a estrutura executiva do Benfica, destas questões processuais e jurídicas", salientou, assegurando a inocência do Benfica nos variadíssimos processos judiciais de que está a ser alvo.

"Nada foi feito de ilegal neste clube", completou.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • FM.
    01 out, 2018 GAIA 20:38
    SNR.L.F.VIEIRA,AFINAL QUEM METEU O FUTEBOL PORTUGUÊS NA LAMA,NÃO FOI O BENFICA,COM CASO E-TOUPEIRA E O QUE ESTÁ ESCRITO NOS E-MAILS?AFINAL TAMBÉM HÁ FRUTA DISTRIBUIDA A SUL.SÓ ESPERO QUE A NOSSA JUSTIÇA NÃO CAIA NO TAL DESCRÉDITO.OS POLVOS CONTINUAM A SUA CAMINHADA?FAÇA-SE JUSTIÇA EXEMPLAR.
  • Americo
    30 set, 2018 Leiria 14:49
    Surreal...........
  • Manuel
    29 set, 2018 Moura 19:37
    O Sr. LFV é que tem dado um dos maiores contributos para o futebol estar na lama e agora vem com esta conversa da treta.
  • Batusai
    29 set, 2018 Planeta Terra 14:46
    LOL
  • agostinho couto
    29 set, 2018 Linden, Nova Jérsia, Estados Unidos 12:15
    E um discurso igual ao do Nicolas Maduro da Venezuela ou ao ,,,gordinho da Coreia do Norte , a unica diferenca e que este e feito ,,ou melhor ,,lido em portugues de ,,quarta classe ,,,mal tirada
  • Leão de Amsterdam
    29 set, 2018 Amsterdam 09:45
    Ainda não fugistes ? o lugar do Vale está vago na carregueira