Presidente do Sporting de Braga suspenso por dois meses

09 abr, 2013

Em causa declarações contra a arbitragem de Duarte Gomes após o jogo com o Vitória de Setúbal.

Presidente do Sporting de Braga suspenso por dois meses
O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) suspendeu António Salvador por dois meses, na sequência das duras críticas do presidente do Sporting de Braga quanto à arbitragem de Duarte Gomes, no encontro da jornada 15 do campeonato, com o Vitória de Setúbal.

Os minhotos até golearam os sadinos (4-1), mas a expulsão de Paulo Vinícius, nos últimos instantes do desafio, despoletou a ira de Salvador quanto ao juiz da AF Lisboa. Na jornada seguinte, o Sporting de Braga receberia o Benfica, perdendo por 1-2.

"Em dez anos nunca saí deste estádio tão indignado após uma vitória expressiva como esta. Foi uma arbitragem vergonhosa, tendenciosa mesmo, [Duarte Gomes] andou durante todo o jogo a tentar arranjar forma de expulsar jogadores do Sporting de Braga e depois expulsou o Paulo Vinícius num lance em que ele não fez nada para isso. Se é falta, é cartão amarelo. É uma expulsão vergonhosa", afirmou Salvador.

O líder dos bracarenses terá ainda que pagar uma multa acessória de 2040 euros.