SAD do Sporting com 22 milhões de prejuízo

28 fev, 2013

Contas referentes ao primeiro semestre da presente temporada enfatizam momento financeiro delicado do clube leonino. Receitas de bilheteira diminuíram em função dos maus resultados do futebol. Custos com pessoal aumentaram no universo sportinguista.
SAD do Sporting com 22 milhões de prejuízo

A SAD do Sporting registou um prejuízo de cerca de 22 milhões de euros no primeiro semestre da temporada 2012/13, de acordo com um relatório enviado pela sociedade leonina à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Face ao período homólogo de 2011/12, a SAD verde e branca registou um agravamento de 2,8 milhões de euros neste capítulo. Tal quebra "explica-se por decréscimo de bilheteira (consequência da fraca performance desportiva), por ausência de receitas na pré-época, e pela mudança na contabilização das quotas em relação ao 1º semestre do ano anterior (a alteração de 75% para 25% das quotas totais de sócios do SPC atribuídas à Empresa, ocorreu no final do 1º trimestre do 2011/12)".

O aumento da despesa, no que diz respeito aos "custos com pessoal", também foi determinante para o agravamento das contas. Neste aspecto, verificou-se um aumento de mais de dois milhões de euros face ao mesmo período da época transacta.

O passivo da SAD do Sporting também aumentou, na ordem dos 23,5 milhões de euros, cifrando-se agora em 243,5 milhões.