|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

Paulo Bento não tem problemas com influência de Ronaldo na Selecção

26 fev, 2013

A dependência de Cristiano Ronaldo não tira o sono ao seleccionador nacional. Contudo, Paulo Bento admite o que já se sabe: "Não convocar o Ronaldo é difícil".

Paulo Bento não tem problemas com influência de Ronaldo na Selecção

Paulo Bento não está preocupado com a preponderância de Cristiano Ronaldo na selecção nacional. O treinador, esta manhã, em Guimarães, no Fórum do treinador, mostrou-se algo agastado com o tema da "Ronaldodependência".

"Muitas vezes fala-se de Ronaldodependência. Qual é o problema de Ronaldo ser preponderante na Selecção, como é desde 2004? Mesmo não estando nas melhores condições, são jogadores que, de um momento para o outro, podem resolver um problema", afirmou o seleccionador nacional "AA".

Contudo, Paulo Bento admite o que já se sabe. "Não convocar o Ronaldo é difícil", salientou.

Isto "se olharmos para a carreira dele, o rendimento, a sua importância no clube que representa e na Selecção", frisou Bento.

E os naturalizados?
É outro dos temas do momento na Selecção Nacional. Depois das excepções abertas com os casos de Deco, Pepe ou Liedson, há espaço para mais atletas naturalizados na equipa das quinas?

"É uma questão de direitos e deveres. A partir do momento em que teve o direito a ser convocado, porque esteve os seus anos aqui. Depois temos o dever de olhar para ele como um cidadão normal. O que garanto é que nunca fiz, não faço, nem farei, nenhum pedido, invocando o interesse nacional, para acelerar um processo de naturalização. Escolho os jogadores do leque que está disponível", explicou Paulo Bento.