|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

Estados Unidos

Obama apela à calma após decisão de tribunal

14 jul, 2013

Absolvição no “caso Zimmerman” não caiu bem em alguns sectores e têm sido várias as manifestações contra a decisão do tribunal.

Obama apela à calma após decisão de tribunal
Obama apela à calma após decisão de tribunal
A decisão do tribunal da Florida provocou uma onda de protestos em várias cidades norte-americanas. George Zimmerman, vigilante voluntário do bairro de Sanford, foi absolvido este sábado de todas as acusações, depois de, em Fevereiro de 2012, ter disparado mortalmente contra Trayvon Martin, um adolescente negro que estava desarmado.

O presidente dos Estados Unidos apela à calma no país. Em causa as manifestações que se seguiram à absolvição de George Zimmerman, um segurança que matou um jovem negro após uma patrulha, alegando legitima defesa.

Barack Obama considera que a morte de Trayvon Martin foi “uma tragédia” e que os Estados Unidos devem encontrar caminhos para terminar com a violência com armas.

“Somos um estado de direito e os jurados decidiram”, refere Obama num comunicado oficial. “Peço a todos os americanos que respeitem a decisão e respeitem os pais que perderam o filho”.

Os jurados, seis mulheres, absolveram George Zimmerman de todas as acusações. O segurança admite que matou Martin, mas garante que o fez em legítima defesa depois de ter sido atacado.

Várias manifestações têm acontecido nos Estados Unidos contra esta decisão. Zimmerman é acusado de ter cometido um acto racista.