Tempo
|

"Splendor et Gloria"

"Jóias da coroa" da arte sacra portuguesa juntas em Lisboa

25 set, 2014 • Maria João Costa

As custódias da Bemposta e da Sé Patriarcal, os resplendores do Santo Cristo dos Milagres e do Senhor dos Passos e o medalhão das três ordens militares da coroa portuguesa estão juntas no Museu Nacional de Arte Antiga.  

"Jóias da coroa" da arte sacra portuguesa juntas em Lisboa
Cinco jóias do património religioso português do século XVIII podem ser vistas, a partir desta quinta-feira, no Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), em Lisboa.

A exposição "Splendor et Gloria" é uma oportunidade única de apreciar obras que nunca antes foram expostas em conjunto.

Na pequena sala quadrada do tecto pintado do MNAA, o brilho das cinco jóias da ourivesaria portuguesa setecentista ilumina as paredes pretas da exposição

"Splendor et Gloria" coloca, pela primeira vez, lado a lado as custódias da Bemposta e da Sé Patriarcal de Lisboa, os resplendores do Senhor Jesus dos Passos e do Senhor do Santo Cristo dos Milagres dos Açores e o medalhão das três ordens militares da coroa portuguesa.

"'Esplendor' é a palavra que se aplica a estas cinco jóias. Elas são do melhor que se produziu em Portugal, qualquer uma delas. Por isso, só o conjunto das cinco é que se podia aproximar, não há nada que se aproxime. Todas elas são únicas, extraordinárias”, explica Anísio Franco, um dos comissários da exposição.

A mostra pode ser visitada até 4 de Janeiro.