Tempo
|

Igreja assaltada e vandalizada em Miranda do Douro

04 fev, 2013

Ladrões levaram apenas 10 euros em dinheiro, mas os prejuízos chegarão aos 10 mil, explica o presidente da junta local.

Assaltantes roubaram apenas 10 euros da igreja paroquial de Constantim, no concelho de Miranda do Douro, mas causaram prejuízos de cerca de 10 mil euros, disse hoje o presidente da Junta de Freguesia, Francisco Preto.

“Com recursos a ferramentas, foram destruídas as portas do sacrário e da sacristia, entre outros elementos, o que se traduz em prejuízos que podem chegar aos 10 mil euros”, explicou o autarca à agência Lusa. Contactado pela Renascença, contudo, o padre Manuel Marques, pároco da igreja em questão diz que o valor não deverá ser tão alto assim.

Populares admitiram “que não houve furto de peças de arte sacra” e contaram que os intrusos levaram cerca de 10 euros que se encontravam na caixa de esmolas. Contudo o sacerdote confirma ainda que a porta do sacrário foi arrombada e que foram roubadas hóstias consagradas lá de dentro.

O assalto, que poderá ter ocorrido na madrugada de sábado, foi participado à GNR e o Núcleo de Investigação Criminal daquela corporação já esteve no local a recolher provas.

Com esta ocorrência, sobe para seis o número de igrejas assaltadas no distrito de Bragança em menos de uma semana.