Tempo
|

Papa envia condolências pela morte do Cardeal Glemp

24 jan, 2013

O lema Pela Caridade na Justiça “acompanhou-o durante toda a sua existência e orientou o seu modo de pensar”, escreve Bento XVI.

Papa envia condolências pela morte do Cardeal Glemp
Morreu na quarta-feira o arcebispo emérito de Gniezno e de Varsóvia, na Polónia.

O Cardeal Józef Glemp teve uma vida atribulada, mas marcada pelo serviço à Igreja e pela busca da paz e da união, conforme se pode ler na mensagem de condolências enviada pelo Papa à sua diocese.

Foi próximo de João Paulo II, que o nomeou bispo e mais tarde cardeal. Tal como o anterior Papa, foi fortemente marcado pela Segunda Guerra Mundial, durante a qual ele e os irmãos foram obrigados a fazer trabalho escravo para os invasores alemães.

Bento XVI sublinha o seu sentido de missão e a forma como a sua vida foi conforme ao seu lema episcopal, Pela Caridade na Justiça: “Este lema episcopal acompanhou-o durante toda a sua existência e orientou o seu modo de pensar, de avaliar, de tomar decisões e a sua linha pastoral”, pode ler-se na mensagem do Papa, publicada hoje no site do Vaticano.

O Cardeal Józef Glemp foi Arcebispo de Varsóvia até 2006, altura em que resignou por limite de idade.