Tempo
|

Óbidos

Mil presépios em exposição em Gaeiras

18 dez, 2012 • Paula Costa Dias

Há uma peça animada, outra de autoria de Eduardo Constantino. Entre os expositores está Laura Neves, que trabalha com ovos.

Mil presépios em exposição em Gaeiras
Cerca de mil presépios, do tradicional ao mais vanguardista estão, até 6 de Janeiro, em exposição no Armazém dos Vinhos da vila de Gaeiras, no concelho de Óbidos.

Uma iniciativa que, na sexta edição, visa ajudar a construção da nova igreja local e que também espelha os tempos que correm.

Laura Neves nasceu nos Açores mas reside nas Caldas da Rainha onde, depois de reformada, decidiu enveredar pelo artesanato em ovos: “É uma paixão, porque é muito tentativa e erro. Cada ovo é um poema.”

Um artigo frágil que dá muito trabalho: “Leva muita volta. Começa por se retirar o interior do ovo, lava-se uma primeira vez, trabalha-se, volta-se a trabalhar. Em cada 10 ovos se calhar partem-se um ou dois”.

A artesã é um dos participantes da Grande Exposição de Presépios da Vila de Gaeiras. São cerca de mil composições elaboradas com diferentes materiais e que espelham o estado do país, salienta o Presidente da Junta, Eduardo Silva: “As carteiras têm menos dinheiro, daí quase todos estarem a fazer peças pequenas, de mais difícil execução, com mais tempo de execução, mas com preços que as pessoas possam levar”.

Um presépio único executado pelo ceramista Eduardo Constantino e um outro animado e de grandes dimensões enriquecem a exposição deste ano que também visa angariar fundos para a construção da nova igreja de Gaeiras.