Tempo
|

Detido vice-reitor do Seminário Menor do Fundão

07 dez, 2012

O suspeito, um padre de 37 anos, foi ouvido esta tarde por um juiz do Tribunal do Fundão que lhe decretou prisão domiciliária com pulseira electrónica.

A Polícia Judiciária deteve o vice-reitor do Seminário Menor do Fundão no âmbito de um inquérito sobre abuso sexual de crianças e menores dependentes.

O suspeito, um padre de 37 anos, foi detido quinta-feira, na sequência de um mandado de busca e detenção emitido pelo Ministério Público. A investigação começou esta semana na sequência de queixas apresentadas na Polícia Judiciária da Guarda, que levaram à intervenção do Ministério Público.

O detido foi ouvido esta tarde por um juiz do Tribunal do Fundão, que lhe decretou como medida de coacção a prisão domiciliária, com pulseira electrónica, a cumprir fora do Seminário.

A Renascença procura uma reacção da diocese da Guarda. Contactado pela Renascença, o Seminário Menor do Fundão recusa fazer comentários.

O porta-voz da Conferência Episcopal Portuguesa, padre Manuel Morujão, diz desconhecer este caso, acrescentando que " desde que é porta-voz da Conferência Episcopal Portuguesa, há quatro anos, nunca deu entrada nenhuma queixa sobre este ou outros casos de suspeita de abuso de menores em seminários”.

Recorde aqui o especial da Renascença sobre pedofilia com a posição do Vaticano.