Tempo
|

Alegre defende que mundo precisa de valores espirituais

22 jun, 2012

Poeta juntou-se a outras personalidades do meio artístico e da cultura numa reflexão sobre a actualidade da mensagem saída do Concílio do Vaticano II.  

Alegre defende que mundo precisa de valores espirituais
Nestes dias crispados, o mundo precisa de valores espirituais e de regressar às palavras do Papa João XXIII. O repto foi deixado por Manuel Alegre na 8ª Jornada Nacional da Pastoral da Cultura, em Fátima.

O poeta juntou-se a outras personalidades do meio artístico e da cultura numa reflexão sobre a actualidade da mensagem saída do Concílio do Vaticano II.

Na sua intervenção lembrou que os seres humanos são pessoas e não mercados: “Uma crise de civilização não pode ser resolvida por receitas economicistas e tecnocráticas – as mesmas que estiveram na origem da crise actual. Há outra dimensão da vida e o mundo precisa de valores espirituais, da busca de um outro sentido. De um pouco mais de sonho e de um pouco mais de poesia”.

Manuel Alegre considera que esta é também a hora “de reler e reencontrar as palavras de alegria e de esperança de João XXIII”.

Também a pintora Emília Nadal lembrou, em Fátima, que os ventos de renovação do Concílio do Vaticano II têm de ser continuados.

Esta tarde, são ouvidos a maestrina Joana Carneiro e o director artístico do Teatro Nacional de São João, Nuno Carinhas.