Tempo
|

D. José Policarpo

“Há verificações que não se podem fazer nos laboratórios”

22 mar, 2012

Cardeal Patriarca participou num debate sobre ciência e Fé em Lisboa.

“Há verificações que não se podem fazer nos laboratórios”
fátima, depois da CEP

É ou não possível pôr a ciência a dialogar com a Fé? Responde o Cardeal Patriarca de Lisboa: “São horizontes da existência humana completamente complementares, mas muito diferentes”.

Num debate no Instituto Superior Técnico, em Lisboa, D. José Policarpo disse que “uma pessoa pode ser um grande cientista e um grande crente”.

“Se tiver uma abertura humana à beleza e à felicidade total que não se esgota na verdade de um laboratório ou de uma equação matemática, ele pode equacionar as duas coisas”.

D. José Policarpo considera que a Fé não pode ser analisada ao microscópio: “Há verificações que não se podem fazer nos laboratórios. O impacto de uma experiência religiosa de contacto com Deus não se pode fazer nos laboratórios e não se pode negar. É uma página grandiosa da história da humanidade das diversas religiões a grandeza das experiências místicas o contacto do ser humano com o transcendente, mas isso não dá para laboratório”.

O Cardeal Patriarca acrescenta que não há ciência que ponha em causa a fé.