Tempo
|

Papa recorda 22 crianças que morreram na Suíça

18 mar, 2012

Bento XVI falou ainda do dia da água e pediu orações pela sua viagem ao México e a Cuba.

Papa recorda 22 crianças que morreram na Suíça
O Papa lembrou hoje as vítimas do acidente na Suíça que provocou a morte de 28 pessoas, incluindo 22 crianças.

Bento XVI dirigiu uma palavra de solidariedade às famílias das vítimas.

“Que este tempo de Quaresma recentre as nossas vidas em Cristo, que tomou sobre si mesmo os nossos sofrimentos e as nossas tristezas. Confio-Lhe a dor dos pais belgas que, por causa do trágico acidente na Suíça, perderam os seus filhos, e aqueles que foram privados de estar com os seus entes queridos. Asseguro-lhes a minha solidariedade e a minha oração”, disse o Papa.

Na oração do Angelus esta manhã na Praça de São Pedro, Bento XVI, lembrou que na próxima quinta-feira se assinala o dia mundial da Água sublinhando a importância de permitir o de todos acesso a este bem precioso e limitado.

“Na próxima quinta-feira assinala-se o Dia Mundial da Água, que este ano destaca a importante ligação deste precioso e limitado recurso à segurança alimentar”, afirmou.

“Espero que estas iniciativas ajudem a garantir o acesso equitativo de todos à água, de forma segura e suficiente, promovendo assim o direito à vida e à nutrição de todos os seres humanos e um uso responsável e solidário dos bens da terra, em benefício das gerações presentes e futuras”, disse ainda o Papa.

Bento XVI pediu ainda a oração de todos pela viagem apostólica que inicia na próxima sexta-feira a Cuba e ao México: “Peço que rezem pela viagem Apostólica ao México e a Cuba na próxima sexta-feira. Confiemos à intercessão da Bem-Aventurada Virgem Maria, tão amada e venerada nestes dois países que vou visitar.”