Tempo
|

Bispo anglicano assassinado no Brasil

29 fev, 2012

D. Robinson Cavalcanti foi esfaqueado juntamente com a sua mulher. O filho adoptivo do casal é o principal suspeito do duplo homicídio.

Bispo anglicano assassinado no Brasil
A diocese anglicana do Recife, no Brasil, está em estado de choque pelo assassinato do seu bispo D. Robinson Cavalcanti, juntamente com a sua mulher.

O casal foi esfaqueado mortalmente no passado domingo. O suspeito principal do crime é o filho adoptivo do casal, de 29 anos, que tem um historial de crime e consumo de droga.

D. Robinson Cavalcanti foi baptizado na Igreja Católica mas fez um percurso através de várias denominações protestantes até chegar a bispo da Igreja Anglicana no Brasil.

Mesmo aí, porém, o seu percurso não foi pacífico. Em 2003 D. Robinson pediu à Igreja Anglicana do Brasil que condenasse a consagração nos Estados Unidos de um bispo homossexual. Os restantes bispos brasileiros recusaram censurar a igreja americana e, em protesto, D. Robinson retirou-se da Igreja Anglicana do Brasil e fundou a Igreja Anglicana – Diocese de Recife, levando com ele a maior parte do clero daquela diocese bem como 32 comunidades.

Apesar da relação conflituosa que o bispo mantinha com a restante Comunhão Anglicana, a diocese recebeu uma nota de profundo pesar assinada pelo Arcebispo de Cantuária, Rowan Williams. Várias outras personalidades e denominações expressaram também o seu choque pelo crime.