Tempo
|

Vaticano

Arcebispo português na chefia de um dos tribunais da Cúria

05 jan, 2012

D. Manuel Monteiro de Castro, 73 anos, foi hoje nomeado pelo Papa como penitenciário-mor. Com a nomeação, admite-se que seja feito Cardeal no próximo Consistório, ganhando, assim, direito a voto num conclave.

Arcebispo português na chefia de um dos tribunais da Cúria

O arcebispo português D. Manuel Monteiro de Castro foi hoje nomeado pelo Papa como penitenciário-mor e vai, assim, chefiar um dos três tribunais da Cúria romana.

D. Manuel Monteiro de Castro, de 73 anos, era, até aqui, secretário da Congregação para os Bispos e do Colégio Cardinalício, além de consultor da Congregação para a Doutrina da Fé.

Natural de Santa Eufémia de Prazins, Guimarães, D. Manuel que foi também observador permanente do Vaticano na Organização Mundial do Turismo, tem uma longa carreira diplomática ao serviço da Santa Sé.

Com a nomeação para a Penitenciária Apostólica, admite-se que Monteiro de Castro possa ser feito Cardeal já no próximo Consistório, à semelhança do que aconteceu com o seu antecessor no cargo.

Portugal tem, neste momento, dois cardeais: D. José Policarpo, de 75 anos, e D. José Saraiva Martins, que completa, esta sexta-feira, 80 anos de idade, deixando de fazer parte do grupo de eleitores num conclave.