Tempo
|

Uma passagem de ano diferente no miradouro do Cristo Rei

30 dez, 2011 • Ângela Roque

Hoje é o último dia para inscrições neste programa que mistura convívio com oração e uma vista fantástica sobre Lisboa.

Uma passagem de ano diferente no miradouro do Cristo Rei
É o segundo ano consecutivo que o santuário do Cristo Rei em Almada organiza uma passagem de ano. Em 2010 juntou mais de 200 pessoas: “O Santuário o ano passado organizou esse evento que contou com mais de 200 pessoas, e este ano já temos inscrito mais de 100 pessoas.”

O padre Sezinando Alberto, reitor do santuário do Cristo Rei, explica a iniciativa é aberta a quem quiser festejar este acontecimento profano num ambiente celebrativo cristão. Até porque o Cristo Rei é muito mais que miradouro sobre Lisboa: “O Santuário quer cada vez mais ter esta dimensão espiritual, não apenas paisagística, turística, e daí que crie uma oportunidade para muitas pessoas de passar o ano num ambiente cristão, de oração, mas também com aspecto lúdico. O ano passado tivemos um convívio bastante animado”.

O fogo-de-artifício este ano será só do lado de Almada. O espectáculo começa à meia-noite, mas ainda antes haverá missa, adoração eucarística e bênção do santíssimo: “Por volta das 22h rezamos uma missa de acção de graças pelo ano que termina, e que é missa de vespertina do dia 1. Depois, por volta das 23h expomos o santíssimo sacramento onde adoramos Nosso Senhor até perto da meia-noite. Depois é a bênção do Santíssimo. De seguida vamos ver o fogo-de-artifício do miradouro do santuário, conseguimos ver o fogo-de-artifício de Almada e da zona da Grande Lisboa.”

Haverá depois convívio e lanche partilhado: “O santuário oferece o bolo-rei, champanhe e chá. Quem puder traz alguma coisa, quem não puder, não tem problema, e convivemos até perto das 2h00 nas caves do edifício.”

As inscrições ainda estão abertas, basta contactar por mail, para o secretaria@cristorei.pt ou por telefone, 21 275 1000 e dizer quantas pessoas vêm, sendo que só entra quem está inscrito, avisa o reitor.