Tempo
|

Lisboa

Igreja de S. Francisco Xavier já abriu portas

03 dez, 2011

A cerimónia de dedicação foi presidida pelo Cardeal Patriarca de Lisboa. O autarca António Costa gosta do projecto.

Já está de portas abertas a nova Igreja de São Francisco Xavier, no Restelo, em Lisboa. A cerimónia de dedicação foi presidida este sábado pelo Cardeal Patriarca de Lisboa.

Na homilia, D. José Policarpo ressalvou a importância da missão da Igreja no contexto da cidade, recordando também que, para além do edifício físico, a Igreja é constituída por todos os crentes.

"Sem nunca perder de vista que o Templo do Senhor somos nós - quer o nosso coração, quer o coração da Sua Igreja que Ele habita, mas que a casa onde o Seu povo se reúne para escutar a palavra de Deus, para celebrar os mistérios da Sua Fé sobretudo a Páscoa de Jesus - que essa casa tem que ter a dignidade, tem que ter mensagem e tem que ser na cidade um sinal visivel daquilo que a Igreja das pessoas deve ser na cidade: testemunho, anúncio e amor fraterno de Fé e de prática da Justiça".

A obra custou três milhões de euros e foi comparticipada por contribuições e em 225 mil euros pela Câmara de Lisboa mas não está concluída: há ainda paredes por pintar e a construção da torre vai ter de ficar para mais tarde.

O projecto não encanta todos os olhos e já foi apelidado de caravela, mas o presidente da Câmara de Lisboa, António Costa, diz-se satisfeito com a obra. “É indiscutivelmente uma peça marcante e não é inócua. A comunidade local sentia a necessidade desta igreja. Do meu gosto pessoal, gosto”.