Tempo
|

Terra Santa

Cristãos não querem Igreja da Natividade como património mundial

29 nov, 2011

Franciscanos temem ingerência política no caso do Governo da Palestina tomar conta da Igreja.

Cristãos não querem Igreja da Natividade como património mundial
As três igrejas cristãs que partilham o controlo da Igreja da Natividade, em Belém, querem que o edifício seja excluído da candidatura da cidade a património mundial da Unesco.

Pierbattista Pizzaballa, o responsável dos Franciscanos que tomam conta dos lugares santos da Igreja Católica na Terra Santa, explica que caso a proposta seja aceita pela Unesco seria necessário passar o controlo da Igreja para as mãos do Governo palestiniano. Os cristãos temem que tal medida leve a ingerência de natureza política.

A Igreja da Natividade, construída no local onde, segundo a tradição, nasceu Jesus Cristo, é partilhada pela Igreja Católica, a Igreja Ortodoxa Grega e a Igreja Ortodoxa Arménia. As três confissões partilham da mesma preocupação, garante o frade franciscano.