Tempo
|

Bento XVI deixa palavras de esperança na despedida do Benim

20 nov, 2011

“Aqui encontram-se valores autênticos”, afirmou o Papa, referindo-se ao continente africano.

Bento XVI deixa palavras de esperança na despedida do Benim
Na despedida do Benim, o Papa Bento XVI reafirmou a sua fé no continente africano.

“Desejei visitar uma vez mais o continente africano, pelo qual sinto uma estima e um afecto particular, porque estou intimamente convencido de que é uma terra de esperança, como já o disse várias vezes. Aqui encontram-se valores autênticos, capazes de servir de inspiração para o mundo, que nada mais pedem senão poder desenvolver-se com a ajuda de Deus e a determinação dos africanos”, afirmou no seu discurso de despedida, no aeroporto de Cotonou, capital do Benim.

Bento XVI deixou depois uma palavra de esperança: “Viver juntos como irmãos, apesar das legítimas diferenças, não é uma utopia. Porque é que um país africano não poderia apontar ao resto do mundo a estrada a seguir para se viver uma autêntica fraternidade na justiça, fundada na grandeza da família e do trabalho?”.

“Possam os africanos viver reconciliados na paz e na justiça, tais são os votos que formulo com confiada esperança, antes de deixar o Benim e o continente africano”, acrescentou.

Bento XVI já se encontra de regresso ao Vaticano, depois de uma visita de três dias ao Benim.