Tempo
|

Porto

Papa aceita renúncia de D. João Miranda Teixeira, bispo auxiliar do Porto

07 out, 2011 • Ecclesia

D. Manuel Clemente agradece trabalho desenvolvido com «discernimento» e «bondade»  

Bento XVI aceitou hoje a renúncia apresentada por D. João Miranda Teixeira, de 75 anos, ao cargo de bispo auxiliar do Porto, por ter atingido o limite de idade imposto pelo direito canónico.

A notícia foi avançada em comunicado da Nunciatura Apostólica em Portugal e publicada na página oficial do Vaticano.

O actual bispo do Porto emitiu uma nota na qual agradece o “muito trabalho desenvolvido” por D. João Miranda Teixeira, “com o discernimento e a bondade que tanto o caracterizam”.

“Teremos próxima ocasião de lhe expressar publicamente quanto lhe queremos e devemos”, adianta D. Manuel Clemente, sublinhando que “o senhor D. João deixa de exercer o múnus de bispo auxiliar do Porto, mas não deixa de ser um bispo no Porto, contando a diocese com tudo o que a sua saúde e boa vontade lhe puderem continuar a dar”.

D. João Miranda Teixeira nasceu a 1 de Dezembro de 1935 em Vila Verde, Felgueiras, tendo sido ordenado padre em 1960 e bispo em Maio de 1983, tendo desempenhado a missão de auxiliar da diocese do Porto durante mais de 28 anos.

A 30 de Novembro de 2006 foi nomeado administrador apostólico da diocese do Porto, por impedimento de D. Armindo Lopes Coelho, cargo que assumiu até à tomada de posse de D. Manuel Clemente em 24 de Março de 2007.

A diocese do Porto conta agora com três bispos auxiliares: D. António Bessa Taipa, D. João Lavrador e D. Pio Alves.