Tempo
|

Islamitas matam 59 alunos num colégio interno na Nigéria

25 fev, 2014

Grupo armado Boko Haram foi responsável por mais de 300 mortes só este mês em vários ataques, incluindo mais de 100 habitantes de uma aldeia cristã.

O grupo terrorista Boko Haram assassinou 59 alunos de um colégio interno no noroeste da Nigéria, na noite de segunda para terça-feira.

Todos os mortos são do sexo masculino e a informação veiculada fala apenas de estudantes, não fazendo qualquer referência a professores ou funcionários.

Muitos dos jovens foram assassinados a tiro e outros foram queimados. Vários dos edifícios da escola também foram incendiados.

O grupo armado Boko Haram, que significa “educação ocidental é proibida”, foi responsável por mais de 300 mortes só este mês em vários ataques terroristas, incluindo mais de 100 habitantes de uma aldeia cristã.

Os islamitas reivindicam a aplicação da lei islâmica no país e atacam sobretudo forças governamentais, locais de culto cristãos e tudo o que representa ocidentalização.