Tempo
|

Morreu o cónego Fernando Marques Dias, amigo dos padres de Viseu

11 fev, 2014 • Liliana Monteiro

Bispo de Viseu recorda um sacerdote alegre e muito divertido: “Marcou a vida da diocese e todos nós tínhamos nele um grande amigo”.  

Morreu o cónego Fernando Marques Dias, personalidade marcante da diocese de Viseu.

O cónego Fernando foi director espiritual da maioria dos sacerdotes da diocese de Viseu, inclusivamente do bispo.

D. Ilídio Leandro recorda o sacerdote que deixa uma grande saudade na diocese: “Ele estava no seminário, não tinha paróquia, e dedicou-se à pregação. Ia passando por muitas paróquias em dias festivos e era conhecido por toda a gente. Era virado para os jovens, mas sobretudo para os padres. Era muito amigo dos padres, foi director espiritual no seminário de quase todos, incluindo eu. Foi para o seminário em 1966 e a partir daí acompanhou todos os padres na formação.”

“Era muito alegre, muito divertido, contava histórias, anedotas, com muito à vontade. Era um homem que se dava bem com todos e com toda a gente. Marcou a vida da diocese e dos padres e todos nós tínhamos nele um grande amigo, deixa uma grande saudade na diocese”, diz ainda o bispo diocesano.

Fernando Marques Dias, nasceu em 1930, foi ordenado sacerdote em 1954, faleceu esta segunda-feira aos 83 anos.

A Sé Catedral de Viseu, foi pequena para tanta gente que quis prestar uma última homenagem ao amigo dos padres.

O funeral decorre hoje às 15h00 da tarde em Castelães. Já esta manhã decorreu a missa em sua memória, na Sé Catedral de Viseu.