Tempo
|

Aberto o caminho para a beatificação de sucessor de Josemaria Escrivá

05 jul, 2013

Vaticano aprovou esta sexta-feira um milagre atribuído à intercessão de Álvaro del Portillo, que foi o responsável máximo do Opus Dei após a morte do fundador.

Aberto o caminho para a beatificação de sucessor de Josemaria Escrivá
Para além da aprovação das canonizações de João Paulo II e de João XXIII, o Vaticano anunciou ainda, esta sexta-feira, que monsenhor Álvaro del Portillo está a caminho da beatificação.

O espanhol, que entrou para o Opus Dei aos 21 anos e foi ordenado sacerdote aos 30, colaborou muito de perto com o fundador da obra, São Josemaria Escrivá, tendo sido escolhido para suceder-lhe como  depois da sua morte em 1975.

Ajudou a divulgar o Opus Dei e a implementá-lo em vários países e em 1991 foi nomeado bispo por João Paulo II.

Morreu em 1994, pouco depois de ter feito uma peregrinação à Terra Santa.

Com a aprovação deste milagre atribuído à sua intercessão, monsenhor Álvaro del Portillo pode agora ser declarado beato.