Tempo
|

Papa Francisco alerta para a incoerência dos católicos

14 abr, 2013

Sumo Pontífice presidiu missa na Basílica de São Paulo Fora de Muros.

Papa Francisco alerta para a incoerência dos católicos
Papa Francisco alerta para a incoerência dos católicos
O alerta foi deixado pelo Papa Francisco durante a homilia da missa a que presidiu na Basílica de São Paulo Fora de Muros, onde celebrou missa pela primeira vez desde que foi eleito. O Papa pediu aos católicos que dêem testemunho do evangelho, não só com palavras mas sobretudo com a vida, tal como pediu também no seu tempo São Francisco de Assis.

Incoerência entre o que os católicos dizem e fazem mina a credibilidade da Igreja. O alerta foi deixado pelo Papa Francisco durante a homilia da missa a que presidiu na Basílica de São Paulo Fora de Muros, onde celebrou missa pela primeira vez, desde que foi eleito.

Por isso mesmo, o Papa pede aos católicos que dêem testemunho do evangelho, não só com palavras mas sobretudo com a vida, tal como pediu também no seu tempo São Francisco de Assis.

“Quem nos ouve e vê, deve poder ler nas nossas acções aquilo que ouve da nossa boca, e dar glória a Deus. Agora um conselho que São Francisco de Assis dava aos seus irmãos: Proclamai o Evangelho. E é necessário proclamá-lo através das palavras, se não proclamai-os com a vida. A incoerência dos fiéis e dos Pastores entre aquilo que dizem e o que fazem, entre a palavra e a maneira de viver mina a credibilidade da Igreja”, disse.

O Papa Francisco deixou ainda um desafio: “Há uma pergunta que eu queria que ressoasse, esta tarde, no coração de cada um de nós e que lhe respondêssemos com sinceridade: Já pensei qual possa ser o ídolo escondido na minha vida que me impede de adorar o Senhor? Adorar é despojarmo-nos dos nossos ídolos, mesmo os mais escondidos, e escolher o Senhor como centro, como via mestra da nossa vida”, acrescenta.

Nesta homilia, o Papa perguntou ainda: “Sabemos falar de Cristo, do que ele significa para nós, em família, com as pessoas que fazem parte da nossa vida diária? A fé nasce da escuta e fortalece-se no anúncio”.

O Papa Francisco, esta tarde, na basílica de São Paulo Fora de Muros, uma das quatro basílicas da cidade de Roma.