Tempo
|

Quercus acredita que Unesco vai mandar parar barragem de Foz Tua

01 ago, 2012 • Olímpia Mairos

Técnicos estão a avaliar os trabalhos e impactos da construção no Alto Douro Vinhateiro, região classificada como Património da Humanidade.

Quercus acredita que Unesco vai mandar parar barragem de Foz Tua
A Quercus ainda tem esperança de que seja parada a construção da barragem de Foz Tua. À saída da reunião com os técnicos da UNESCO, o ambientalista João Branco acredita que paisagem protegida do Alto Douro Vinhateiro ainda pode ser salva.

“Aparentemente sim”, acredita o ambientalista, sublinhando que os técnicos da UNESCO “já deram um parecer negativo uma vez e não me parece que vão mudar de ideias assim”.

Segundo João Branco, nesta reunião, os técnicos da UNESCO perguntaram “se era possível recuperar a Linha do Tua, sobre os diversos impactos da barragem na socio-economia da região”.

Também o partido ecologista "Os Verdes" manifestou esperança de que a obra ainda seja travada.

Esta quarta-feira, o grupo de técnicos da UNESCO está reunir-se com várias pessoas, no Museu do Douro, para avaliar os trabalhos e impactos da construção da barragem do Foz Tua no Alto Douro Vinhateiro, região classificada como Património da Humanidade. Uma obra contestada pelos ambientalistas.

José Silvano, presidente da agência de desenvolvimento do Vale do Tua, e Artur Cascarejo, presidente da Câmara de Alijó e da Comunidade Intermunicipal do Douro, são os próximos a ser recebidos.