Tempo
|

Estão aí as festas de Lisboa. Espectáculo de rua na abertura

31 mai, 2012

Com as festas, começa também o festival de tango, com "workshops" e bailes.

Estão aí as festas de Lisboa. Espectáculo de rua na abertura
A programação das Festas de Lisboa arranca esta quinta-feira à noite com um espectáculo de rua, na zona do Rossio e dos Restauradores, e estende-se até dia 30 de Junho com iniciativas em toda a cidade.

“Firebirds” é o nome do espectáculo de abertura, cujo início está marcado para as 22h00 nos Restauradores e que faz a "recriação de uma corrida aérea feita por seis audaciosos pilotos e as suas bizarras máquinas voadoras", refere o texto de apresentação.

No âmbito das Festas de Lisboa, começa também hoje a 10ª edição do Festival Internacional de Tango de Lisboa, que se realiza até segunda-feira (dia 4) na Voz do Operário e inclui “workshops” e milongas (bailes de tango).

Este ano, a programação das Festas está centrada em seis eixos fundamentais: o espectáculo de abertura, a Festa do Fado, os 80 anos das marchas populares, os arraiais, o concerto de encerramento e a comemoração do Dia de Portugal no Terreiro do Paço.

Na Festa do Fado será possível assistir-se a filmes e documentários, bem como a uma série de concertos de novos e velhos valores deste estilo musical, em locais como o Largo Chafariz de Dentro, o Pátio da Galé, o Museu do Fado e o Castelo de São Jorge.

A apresentação das marchas populares deste ano começa já na sexta-feira, no Pavilhão Atlântico. No dia 12, véspera de Santo António, a partir das 21h00, os marchantes descem a Avenida da Liberdade.

Um concerto no Terreiro do Paço assinala o Dia de Portugal (10 de Junho), com Sérgio Godinho e Jorge Palma, Manuela Azevedo e Virgem Suta, como convidados.

Até 30 de Junho, Lisboa vão também ser palco também de "várias mostras e festivais", com vários arraiais espalhados pela cidade.

As Festas da Cidade encerram com um concerto na Alameda Afonso Henriques, que junta em palco o brasileiro Milton Nascimento e os portugueses Ana Moura, Carminho e António Zambujo, acompanhados pela Orquestra Metropolitana de Lisboa.