Tempo
|

Papa foi pagar a conta do hotel onde ficou antes do Conclave

14 mar, 2013 • Aura Miguel, em Roma

Sinais de simplicidade “franciscana” foram imediatos. O novo Papa recusou ser levado de volta à Casa de Santa Marta de carro particular, ontem à noite, e esta manhã não quis escolta quando foi visitar a Basílica de Santa Maria Maior.  

Papa foi pagar a conta do hotel onde ficou antes do Conclave
Um dos primeiros actos do Papa no dia depois de ter sido eleito foi dirigir-se à casa onde tinha ficado instalado durante as congregações gerais que antecederam o Conclave, pagar a conta da sua estadia.

É um sinal claro da simplicidade pela qual o Papa Francisco já era conhecido e que esteve na origem do nome escolhido para este pontificado, em honra de São Francisco de Assis.

Ainda esta manhã o Papa recusou escolta quando se dirigiu a Santa Maria Maior para rezar.

Ontem, logo após a eleição, o Papa Francisco recusou sentar-se na cadeira reservada ao novo Pontífice para receber os cumprimentos dos restantes cardeais, preferindo manter-se de pé. Depois, mais tarde, quando era hora de regressar à Casa de Santa Marta para jantar, não quis ir no carro que estava à sua espera, voltando antes na carrinha reservada para os cardeais, explicou hoje em conferência de imprensa o padre Federico Lombardi.

Segundo o padre Lombardi o Papa pretende aprender português “até ao Verão” e nos próximos dias irá visitar Bento XVI a Castel Gandolfo.