"Em nome de Deus, peço-vos: parai este massacre", apela Papa