Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022

Bastonária critica Coronel

Enfermeiros "às escuras" nesta fase da estratégia de vacinação

19 nov, 2021 - 23:03 • João Malheiro

A Bastonária da Ordem dos Enfermeiros não tem dúvidas que o reforço da vacinação vai resultar numa "sobrecarga" para os profissionais de saúde, mas admite "total disponibilidade" para ajudar a combater a pandemia da Covid-19. E considera que as medidas antecipadas no Infarmed "fazem sentido neste momento"

A+ / A-

A Bastonária da Ordem dos Enfermeiros afirma que estes profissionais de saúde "estão às escuras" no que toca a esta fase da estratégia do plano de vacinação contra a Covid-19 e critica falhas na comunicação com o Núcleo de Coordenação do Plano de Vacinação.

"Aquilo que notamos é que não há, da parte do Coronel Penha-Gonçalves, a mesma via de comunicação que existia com o vice-almirante Gouveia e Melo. Falávamos praticamente todos dias, agora não. Podem ser estilos diferentes", critca Ana Rita Cavaco, ouvida pela Renascença.

"Quando não existe uma comunicação eficaz entre quem lidera uma cadeia de comando e aqueles que têm de executar e organizar os serviços, é um problema. É péssimo", acrescenta.

A Bastonária da Ordem dos Enfermeiros exemplifica que, no caso da vacinação a partir dos cinco anos, a DGS não pediu uma pronúncia por escrito antes de avançar com a medida, como era habitual "em fases anteriores".

Ana Rita Cavaco acredita que a mudança de atitude na comunicação entre a coordenação do plano de vacinação é, também, "fruto do processo eleitoral do que o país vive neste momento".

Reforço de vacinação trará "sobrecarga" aos enfermeiros

O alargamento da população elegível para dose de reforço contra a Covid-19 vai exigir a disponibilização de mais meios no terreno, alertou esta sexta-feira o responsável pelo Núcleo de Coordenação do Plano de Vacinação, coronel Carlos Penha-Gonçalves.

A Bastonária da Ordem dos Enfermeiros não tem dúvidas que este reforço vai resultar numa "sobrecarga" para os profissionais de saúde, mas admite "total disponibilidade" para ajudar a combater a pandemia da Covid-19.

"Fizemos listas de enfermeiros disponíveis, quer após o seu horário de trabalho, quer desempregados, que podem ajudar na vacinação", refere.

Ana Rita Cavaco aponta críticas à gestão dos últimos meses do plano de vacinação, defendendo que alguns centros de vacinação "foram fechados precocemente" e que, agora, "devem voltar a reabrir".

"A gestão da pandemia tem sido feito pelo Governo, sem nenhuma estratégia a médio-longo prazo. Navega à vista, governa para o dia a dia. A Ordem tinha proposto que não se desativassem todos os centros de vacinação e, felizmente, mantiveram grande parte abertos", aponta, à Renascença.

Medidas antecipadas no Infarmed "fazem sentido neste momento"

A Bastonária considera que as medidas de contenção da pandemia foram levantadas de forma "repentina" e que devia ter havido um alívio "não tão rápido".

Nesta perspetiva, Ana Rita Cavaco considera que as ideias preconizadas esta sexta-feira, na reunião do Infarmed, "fazem todo o sentido, neste momento".

"São adequadas, porque as pessoas infetadas precisam de cuidados. E os cuidados são prestados por enfermeiros que já estão sobrecarregados", defende.

"E nós continuamos com uma taxa de enfermeiros baixíssima", acrescenta.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+