Tempo
|
A+ / A-

Sporting

Rúben Amorim: "O FC Porto foi mais adulto do que nós"

06 mai, 2022 - 13:15 • Redação

O treinador do Sporting faz balanço da época e conclui que a experiência de Sérgio Conceição também foi um ponto a favor do FC Porto. Leões jogam em Portimão, depois do clássico que pode dar título aos dragões.

A+ / A-

Rúben Amorim faz um primeiro balanço da época do Sporting e numa das alíneas anota que "o FC Porto foi mais adulto" que a sua equipa. O técnico leonino acrescenta ainda que "a experiência dos treinadores também foi um ponto a favor do Porto", numa palavra de reconhecimento a Sérgio Conceição.

A toalha não segue para o chão, mas Rúben continua convicto de que a luta está perdida - "desde o jogo com o Benfica que não acredito muito" -, mesmo que ainda haja uma situação matemática por resolver.

O Sporting pode entrar em campo em Portimão já a saber que o FC Porto é campeão - os dragões precisam de um ponto no clássico com o Benfica para garantir o título -, ou então a saber que terá de vencer para arrastar a decisão para a última jornada.

"Independentemente do que acontecer no jogo anterior [Benfica-FC Porto] temos de ganhar o nosso jogo (...) Poderá haver já campeão e nós a partir desse momento temos de começar a preparar a próxima época. Se não houver continuaremos a pensar nesta época", resume, em conferência de imprensa, esta sexta-feira, em Alcochete.

"Para mantermos a luta pelo título só um resultado nos interessa nesse jogo [Benfica-FC Porto], mas o que eu quero é vencer o Portimonense", acrescenta, procurando deixar o clássico para segundo plano.

Ainda que o balanço geral não seja positivo, porque o Sporting está em vias de falhar o principal objetivo da época, que passava por revalidar o título, Rúben Amorim esclarece que "retira muita coisa positiva" desta temporada. "A equipa joga melhor. Evoluiu muito e isso é importante. Olhando para esta equipa fico cada vez mais entusiasmado. Somos muito mais equipa", afirma.

O direito de Paulo Sérgio

O Sporting defronta o Portimonense, no sábado, e Rúben Amorim foi questionado sobre que alinhamento espera ver do lado dos algarvios, à luz das poupanças que Paulo Sérgio fez no Dragão, e que levaram à abertura de um processo de inquérito, por parte do Conselho de Disciplina

O treinador do Sporting é claro ao condenar quem questionou o técnico do Portimonense e sublinha que "a verdade é que o Paulo Sérgio atingiu o seu objetivo e nós não". "O treinador do Portimonense tem o direito a escolher os jogadores, como eu tenho o direito de escolher os meus", comenta.

Rúben Amorim prepara a sua equipa para um jogo "difícil, frente a uma equipa muito forte a defender e que sai muito bem para ataque"

"Estudámos o adversário e estamos preparados para o jogo. Vimos num bom momento, estamos a marcar muitos golos, mas não podemos sofrer golos nos pouco remates que os adversários fazem", alerta.

Feddal, lesionado, não vai a jogo, mas o treinador recupera Coates, que está de regresso depois de recuperar de problemas físicos. Slimani está apto, mas já é carta fora do baralho.

O Sporting, segundo classificado do campeonato, visita o terreno do Portimonense, 12.º da tabeça e já com a permanência garantida, este sábado, às 20h30. Jogo com relato na Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+